Foto Colunista

POR Gustavo Marques

A voz dos indignados

Colunas / 20.05.15

Eu sou a favor de ir às ruas reivindicar direitos, porque protestar é algo que vai além do ato de se levantar e ir atrás do que é seu por direito. Protestar é entender a conjuntura na qual nos encontramos e pelo que passamos atualmente. Ir à rua não é apenas causar transtornos como muitos encaram e como é retratado por grande parte da mídia, que quase sempre transmite as manifestações da maneira que lhe convém e nem sempre demonstra as motivações que incentivaram aquela reinvindicação. Ir às ruas é um sinal de que as vozes indignadas com alguma injustiça precisam ser ouvidas, desde que seja pela luta dos direitos de todos e que esta manifestação não agrida o direito alheio.

O protesto é eficiente quando mobiliza a sociedade em torno do bem comum, em torno de lutas de classes que são exploradas diariamente. As manifestações são como ecos da voz de uma sociedade inquieta com algo que a aflige, demonstrando que mudanças são necessárias.

Algumas pessoas afirmam que ocupar ruas e avenidas para protestar é mera perda de tempo, no entanto não há perda de tempo quando se luta por direitos, porque direitos são conquistados a muitos custos e com esforços por parte de entidades que representem as lutas de classe. Reivindicar é a principal forma de protestar contra o que é imposto pelo poder público, que nem sempre está de acordo com as necessidades da sociedade e principalmente quando há medidas que vão contra os direitos sociais.

Todos os protestos geram resultados, pois a partir do momento em que há a indicação da insatisfação de boa parte da sociedade e que se percebe que essa manifestação tem fundamento político, o protesto é válido por demonstrar que há algo de errado. Por meio de atos e manifestações que nasçam da vontade popular e devido à luta por direitos, a população tem sua voz expressa e ouvida, eis outra forma de demonstrar o sucesso das manifestações, pois demonstra o quão democrático nosso país é.

_______________

Gustavo Marques é estudante de Serviço Social – UFMA

_____________________________________________________________

 

Os artigos publicados com assinatura não traduzem a opinião do Site BH. Possibilitamos que o leitor conheça opiniões diversificadas sobre os assuntos em pauta nas mídias sociais. Sempre iremos expor visões diferentes para que o leitor se questione, questione o mundo ao seu redor e, principalmente, corra do senso comum. Quer ver o seu texto por aqui? Mande para redacaositebh@gmail.com

Seja o primeiro a curtir.

Deixe uma resposta

*

ARQUIVOS

BH NO INSTAGRAM

FOLLOW @BARBARAHELLEN

BH NO FACEBOOK

www.000webhost.com